24 | 10 | 2014

Informamos que todos os certificados conterão somente assinatura digital.

Certificados (Impressão e Validação) e Cadastro

Recomendações e cuidados para moldagem de corpos-de-prova

1 – Coletar volume suficiente, na betoneira estacionária ou caminhão-betoneira, para moldagem dos corpos-de-prova e para o ensaio do abatimento do tronco de cone, nunca na primeira ou última descarga. O carrinho de mão permite uma melhor homogeneização da amostra antes dos procedimentos de adensamento.

2 – A amostra deve ser conduzida ao local da moldagem, área protegida ou abrigada de interferências com as rotinas da obra. Os moldes devem ser posicionados em base regularizada e plana. Após a moldagem, devem permanecer intactos por no mínimo 24 horas, no intuito de preservar as características do concreto.

3 – Para o adensamento, a amostra é colocada no molde em 3 camadas no caso de CP 15X30cm e 2 camadas para o CP de 10X20cm.

4 – O adensamento pode ser manual ou vibratório dependendo do abatimento:
até 20mm - vibratório
20 a 60mm - manual ou vibratório
60 a 180mm - manual.

5 – O adensamento manual é executado com haste metálica lisa de 600mm por 16mm. No molde de 15X30, 25 golpes por camada; no molde de 10X20, 12 golpes por camada.

6 – Durante a compactação de uma camada a haste não deve penetrar na camada já adensada. A haste do vibrador não deve atingir o fundo ou as laterais do molde.

7 – A desforma deve ocorrer após 24 horas com os cuidados necessários para não abalar ou danificar o corpo-de-prova. Neste momento é vital cuidar da preservação do sistema de identificação. Procurar marcar com lápis de cera nas laterais do CP o número do lote. Não colocar nada além do número do lote na lateral do corpo-de-prova. Imediatamente após a desforma, colocar o mesmo em tanque com água onde deve permanecer até o momento do deslocamento ao local de ruptura, que deve ser com no mínimo 24 horas antes da data de ruptura.

8 – No caso de transporte, procurar fazer embalagens apropriadas para no máximo 4 CPs cada. Preencher fundo e lateral com serragem de madeira (mais leve) ou areia, úmidos.

9 – Preferencialmente na ficha de moldagem de cada lote deve conter:
- fck (Evitar concretos com fck fora da norma NBR 8953)
- Aplicação
- Abatimento
- Número de corpos-de-prova do lote
- Hora da moldagem
- Nome do moldador
- Nota fiscal do caminhão betoneira ou marca do cimento utilizado
- Número do lote ou da série moldada.

10 – Nunca encaminhar corpos-de-prova ao laboratório sem as devidas fichas de moldagens.